6

Só no meio de multidões
Só no emaranhado dos meus pensamentos
Só na minha vida
Só no meu nascimento
 Só na minha muita/pouca sorte(...)

Irei sozinha ao meu enterro
Porque sozinha enfrentarei a morte.
anacosta






6 comentários:

  1. Oi Aninha querida!
    Enquanto sós, descobrimos a grandeza que floresce diariamente em nosso ser, minha amiga! Somos sós e, ao mesmo tempo, fazemos parte de um todo...compostos nos tornamos multidão...
    Você não está só em seu pensamento!
    Você não está só na vida!
    Grande beijo, cheio de carinho e admiração!!!
    Jackie

    ResponderEliminar
  2. Obrigada Jackie!
    Um obrigada muito grande pelo seu carinho.
    Mil beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Oi querida amiga !!!

    Texto muito intenso, mas mesmo descrevendo algo visto por nós como triste, que é a solidão, é muito belo :)
    Sabe amiga, acho que todos temos momentos de total solidão mesmo cercados de pessoas, às vezes é um estado de espírito, às vezes é por não ter um real apoio, mas dizem que nunca estamos sós, e acredito que seja verdade, sempre existe um pensamento direcionado para nós :)

    Beijos e bom fim de semana !

    ResponderEliminar
  4. Olá minha querida!
    Impactante seu poema. Adorei!!!! Mil beijos!

    ResponderEliminar
  5. Sábia e amiga como sempre.
    Beijão muito grande Sam

    ResponderEliminar
  6. Obrigada Susy. Fico contente que tenha gostado, pois é sempre um incentivo receber um gesto de carinho quando se expõe no papel aquilo que nos vai na alma (ou não).
    Muitos jinhos também para você

    ResponderEliminar

Obrigada por deixar o seu comentário, pois isso só veio enriquecer este espaço