53

Resquícios da alma

Jazem nas minhas entranhas
Os resquícios de uma morte não acontecida.
Rasga-se o ventre virginal
Numa espera angustiante.(...)

Corpo vazio, alma nua,levanta-se
Grita os seus lamentos.
São pedaços duma alma estilhaçada
Que pinga suas feridas putrefactas.
Despida de sentimentos,
Eleva sua voz em pranto,
E mostra ao mundo a sua dor.
anacosta


53 comentários:

  1. Amiga Ana Costa, achei teu poema, bem feito, mas meio tristinho. Vi nele alguma coisa de Augusto dos Anjos!
    Um abração. Tenhas uma linda tarde.

    ResponderEliminar
  2. Um poema melancólico, dolorido, no entanto cheio de beleza. Gosto muito dos poemas nostálgicos, eles deixam um gosto de poesia no ar...
    Estou gostando muito daqui Ana! Meu carinho ! Uma linda noite para você! Lembranças.
    Ange.

    ResponderEliminar
  3. Uma dor profunda de uma alma inquieta a procura de paz...beijos de bom final de semana pra ti querida.

    ResponderEliminar
  4. Há dores que nem a alma consegue esconder... e essas, são as dores mais intensas!...


    Beijos,
    AL

    ResponderEliminar
  5. @Dilmar Gomes
    Oi Dilmar, sabe que por muito que tentemos não o fazer deixamos sempre em cada escrito um pouco (ou muito) do que nos vai na alma...
    Beijo e obrigada pelo seu carinhoso comentário

    ResponderEliminar
  6. @Ange
    Fico muito contente que goste Ange.
    É sempre uma motivação para todos nós que pomos nossas escritas assim para todo mundo ler, receber o carinho de quem lê.
    Beijão muito grande!

    ResponderEliminar
  7. @Everson Russo
    Um beijo também para você e que tenha um fim de semana muito bom Everson

    ResponderEliminar
  8. @A.S.
    Uhi! como tem razão A.S.!
    Tão grandes são que chega a doer

    ResponderEliminar
  9. Minha amiga, amei seu poema gótico,bem sincronizado, sensacional...Aproveitar e desejar-lhe um feliz fim semana!

    ResponderEliminar
  10. Os sofrimentos fazem com que seus cacos nos machuquem por dentro. E a dor vai minando sentimentos e esperanças.
    Muito bem colocadas suas palavras. Traduziu, perfeitamente, o íntimo do ser humano que, vivo, sente-se ausente da vida.

    Sua visita me deu grande prazer. Pude conhecer seu encantador espaço, onde já me acomodei.
    Bjs.

    ResponderEliminar
  11. Olá amiga, há dias assim...felizmente que não são todos...adorei o seu poema. Beijos com carinho

    ResponderEliminar
  12. Fim de semana que maravilha! Olha só, eu que quase não tenho tempo para visitar os amigos nos fins de semana aproveito para arrasar!
    Ana, adoro que você dedica algum do seu tempo para comentar aos comentários deixados por seus leitores. Eu não tenho o uso de fazer isto,principalmente por falta de tempo, mas muito admiro alguns dos amigos que tem este habito muito atencioso de fazer isto!
    Meus aplausos aqui!
    Lindo fim de semana para você!
    Ange.

    ResponderEliminar
  13. Boa noite, querida amiga Ana.

    Na minha alma também.

    Beijos.

    ResponderEliminar
  14. Olá...Sou escritora e estou sorteando o livro da amiga Adriana Vargas no meu blog:
    Venha participar com a gente!
    “...Não sabe ao menos se me quer como sou, ou se me afasta por ter medo de não ser feliz por toda a sua vida...”
    O Voo da Estirpe é um livro que mexe com o leitor, impossível sair igual após a leitura! A escritora foi completamente feliz na escolha do enredo e principalmente a maneira magnífica de organizar as ideias!
    Forte- ousado-verdadeiro!
    É um livro que vai até as entranhas do ser humano e te desnuda, e desafia!
    Clarice é uma mulher que vive sozinha, não quer apaixonar-se, mas também não quer ficar sozinha. É uma mulher que reflete e sente. Que pensa e questiona!
    Klaus é um homem romântico que desafia os conceitos amorosos de Clarice. Ele a vai guiando até o amor sublime. Tem uma visão privilegiada do mundo e a divide com Clarice - a mulher que ele ama.
    O leitor vai sentir uma imensa paz, vai rir, vai chorar, vai torcer pelos dois! A cada novo capítulo o leitor vai se envolvendo na história e se pudesse, entraria nas páginas e os apoiaria!
    Quantas vezes deixamos de amar alguém por que temos a convicção de que não durará muito? Pode ser por uma diferença de idade, uma doença, diferença geográfica ou religiosa! Deixamos de tentar pelo simples fato de pensar que não dará certo!
    A autora aborda a questão de viver o momento! Ser tão feliz, tanto quanto é possível, no momento.
    Lembrei - me da borboleta, que tem a vida tão curta, mas vive o seu momento de borboleta e é feliz!
    Tenho 2 blogs...mas aquele que estou acessando no momento é do meu livro:.
    Bjs -
    http://amazoniaumcaminhoparaosonho.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  15. Boa tarde, Ana. Estou em dívida com você, porém não no pensamento, acredite!
    Um maravilhoso poema de alma rasgada, que denota a dor e a tristeza, mas que enfim, é necessário passar.Como sempre a sua escrita muito forte e emocionante.
    Obrigada pelo seu carinho, sempre, e pela sua fidelidade.
    Um beijo grande, e fique com Deus!

    OBS:tem comentários em outras postagens abaixo!

    ResponderEliminar
  16. O poema está lindo Ana! E amanhã os sonhos anunciam um novo sol…Beijinho grande

    ResponderEliminar
  17. Minha querida

    Há dores que permanecem dentro de nós...tatuadas no corpo e na alma, adorei o poema e deixo um beijinho com carinho.

    Sonhadora

    ResponderEliminar
  18. A alma da gente as vezes pede socorro .Lindos versos Ana.Desejo um ótimo começo de semana cheio de muitas energias positivas, muita paz e muita luz. Bjs grande !

    Smareis

    ResponderEliminar
  19. @。♥ Smareis ♥。
    Obrigada ♥ Smareis ♥, suas palavras são sempre muito carinhosas!
    Uma boa semana para você também!
    Beijo

    ResponderEliminar
  20. @Sonhadora
    Amiga Sonhadora, a dor é algo que nunca conseguimos retirar a cicatriz que ela deixa.
    Um beijinho grande para você também

    ResponderEliminar
  21. @.
    ., nem que seja nos nossos sonhos, a esperança de um novo sol permanece no nosso coração!
    Beijo para você!

    ResponderEliminar
  22. @Patrícia Pinna
    Obrigada Patrícia!
    Fico feliz quando ouço palavras assim cheias de carinho!
    Também trago os meus amigos sempre no pensamento!
    Beijo

    ResponderEliminar
  23. @Marli Carmen
    Olá Marli, muito obrigada pela sua visita que muito me honrou!
    Já fiz uma visitinha lá no blog mas não consegui participar!
    Vou ter que perceber melhor como entro.
    Beijo Marli

    ResponderEliminar
  24. @Amapola
    Olá minha amiga sempre presente!
    Fico muito feliz que assim seja!
    Um beijão no seu coração

    ResponderEliminar
  25. @Ange
    É verdade Ange, apesar de na maior parte das vezes isso implicar uma ginástica enorme tento sempre deixar uma palavrinha a todos!
    Beijo grande para você

    ResponderEliminar
  26. @rosa-branca
    Um beijo grande para você também rosa-branca e uma boa semana
    Beijo

    ResponderEliminar
  27. @MARILENE
    A dor e o sofrimento têm o condão de muitas vezes nos fortalecer, mas por norma elas trazem muitos danos, alguns irreparáveis mesmo!
    Gostei muito da sua vizita!
    Beijo

    ResponderEliminar
  28. @Simone butterfly
    Obrigada Simone!
    Um beijão grande para você e uma boa semana

    ResponderEliminar
  29. Aninha, minha querida!
    Seus poemas são sempre intensos! Gosto de olhar as coisas, principalmente a vida como um todo, por todos os ângulos! Quando olhamos por outro lado, encontramos pequenos detalhes que modificam nossos pensamentos... É preciso fuçar no lixo alguns dos nossos desperdícios...é preciso buscar na dor, a cura... é preciso rever a vida através da morte para nos mantermos sempre alertas de que esse é o momento exato para o nosso maior espetáculo!
    Grande beijo, minha linda e parabéns por mais esse belo e intenso poema!
    Jackie

    ResponderEliminar
  30. Ahhhh!!! que belleza de blog me encontre por aqui. Una bellisima entrada. Gracias por compartir. te sigo....

    ResponderEliminar
  31. Olá Ana, foi um prazer receber sua visita!
    Um poema profundo o seu, nossa alma sempre passa por períodos de noite escura, mas a cada dia que amanhece novas oportunidades se apresentam e podemos expandir o brilho da Centelha Divina que em nós habita.
    Boa semana pra ti!

    ResponderEliminar
  32. Ana, triste isso... Melhor seria que a vida não se derramasse dessa maneira, mas a vida tem suas coisas.
    Em meu blog você me envaideceu com seu comentário. Obrigado, linda!

    ResponderEliminar
  33. @♫*Isa Mar
    Grande verdade Isa.
    Até porque o que seria do homem se não fosse a fé e a esperança para seguir em frente?
    Beijo

    ResponderEliminar
  34. @Jackelyn
    Obrigada Jackelyn, acabei de te fazer uma visita!
    Beijo

    ResponderEliminar
  35. @Jackie Freitas
    Principalmente é preciso ir ao fundo para depois voltar à tona e ver/apreciar a vida doutra forma e dar valor aquilo que se tem.
    Obrigada pelas suas sempre carinhosas palavras amiga.
    Beijo Jackie Freitas

    ResponderEliminar
  36. @Jeferson Cardoso
    A vida nunca é aquilo que nós gostaríamos que fosse Jeverson!
    Apesar de tudo vale a pena ser vivida.
    Quanto à tristeza que envolve o poema... sabe que a tristeza é uma companheira muito fiel, nunca me abandona!!!!!!
    Beijo para você

    ResponderEliminar
  37. Aninha minha linda!
    Fiquei tão feliz quando cheguei aqui...todos meus amigos já acampados por aqui...parece que só faltava eu...mas chegueie trouxe até a mala,kkkkkkkkk...
    Poema lindo com uma essência de tristeza que fica belo nas palavras...não sei explicar...mas digo o que sinto,kkkkkkk
    Bjs minha linda por ter me achado e me trazido até aqui...
    bjsssssssssss

    ResponderEliminar
  38. Oi Ana... Primeiro gostaria de agradecer a sua presença em meu blog.
    Agora quero deixar em palavras o quanto apreciei todo o seu blog.
    Apesar do poema ser triste...Demonstra força! E creio que seja disso que nós precisamos!
    Um abraço carinhoso

    ResponderEliminar
  39. ana costa, que texto lindo.
    me encontrei completamente nele.

    ResponderEliminar
  40. olá Ana. Passando por aqui para agradecer a sua visita e seu carinho com os comentários. Fiquei muito feliz! Volte sempre. Adorei seu cantinho... Belo poema! A vida é cheia de altos e baixo, más vale apena viver. Obrigada pelo carinho e volte sempre. Bjos e ótimo feriado!

    ResponderEliminar
  41. Desde que nascemos, amiga!

    Saudações poéticas!

    ResponderEliminar
  42. @cidinha
    Obrigada Cidinha. Agradeço por demais as suas palavras.Voltarei para lhe visitar

    ResponderEliminar
  43. @denise
    É verdade Denise a poesia tem esse condão, duma maneira ou de outra faz com que haja algo que nos diz qualquer coisa.
    Beijo

    ResponderEliminar
  44. @Tatiana Moreira
    A vida obriga-nos a ser fortes para enfrentar as suas ciladas.
    Obrigada pelas suas palavras
    Beijo

    ResponderEliminar
  45. @Severa Cabral(escritora)
    Severa, obrigada!
    Não sabe o quanto as suas palavras me deixaram comovida!

    É uma alegria muito grande que fique aqui comigo, no meu espaço!
    Beijinho

    ResponderEliminar
  46. Quanta verdade essa frase encerra!...
    Obrigada pelo seu comentário.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  47. Minha querida adorei o seu lindo poema, triste mas muito lindo, mas eu gosto mesmo deste tipo de poemas acho que fazem muito o meu gosto pessoal.
    Beijinhos de luz , paz e muito amor em seu coração
    PS:também adoro o blogue...

    ResponderEliminar
  48. @**♥✿-franciete-✿♥**
    Obrigada **♥✿-franciete-✿♥**pelas suas lindas palavras!
    Tem razão, os meus escritos estão normalmente revestidos por uma capa de tristeza, mas qualquer dia o sol vai penetrar por ali a dentro!!!!
    beijo

    ResponderEliminar
  49. Não se permita entristecer,
    por nada nesse Domingo.
    Mostre a todos o valor do seu sorriso
    aproveite esse Dia para ser feliz
    Faça chuva ou Sol estarei sempre aqui para dizer
    que te amo.
    Um lindo e feliz Domingo.
    Beijos no coração.
    Evanir

    ResponderEliminar
  50. Bom dia amiga. Agradeço mais uma vez o carinho da sua visita. Obrigada! Tenha uma ótima semana. Bjos no seu coração!!!

    ResponderEliminar
  51. Olá, boa noite!

    Muito grato pela apreciação que fez dos meus textos.

    Bjsss

    ResponderEliminar
  52. Amada Amiga de coração agradeço suas visitas no meu blog.
    Estou tentando colocar em ordem meus agradecimentos.
    Mais esta um pouco dificil ando sentindo muitas dores nos ultimos dias.
    Já dei incio a um novo tratamento espero em breve estar melhor.
    Um feliz final de semana beijos no coração.
    Evanir

    ResponderEliminar
  53. Agradeço a visita ao Sorpion, mais concretamente à "Costa Norte de Sines". Também gosto e me identifico com temas de " odeclinardossonhos",... voltarei!!
    Tenha uma feliz semana,

    ResponderEliminar

Obrigada por deixar o seu comentário, pois isso só veio enriquecer este espaço