39

E se amanhã...

medo do amanhã sem vida, sem sonhos, sem motivações
E se amanhã meus olhos
Não conseguirem mais chorar
Minha boca não sorrir
Meu coração não amar...(...)


 E se amanhã...
 Meu corpo tão mutilado
 Parar o seu movimento
 Esquecer até de andar...

 E se amanhã...
 Minha trémula mão esquecer
 Esquecer o que tanto gosta
 Escrever, escrever, escrever...

 E se amanhã...
 Meu coração já cansado
 Parar até de bater...

 E se amanhã...
 E se amanhã, não houver mais amanhã?...
anacosta


39 comentários:

  1. Mantendo-se a esperança sempre acesa, sempre existirá um amanhã e será mais belo quanto mais acreditarmos em sua beleza.
    Tenha um belo fim de semana.
    Élys.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como sempre as suas palavras são lindas e sábias...
      Obrigada
      bj

      Eliminar
  2. Olá querida Ana, haverá sempre um amanhã, para quem escreve assim e quando acabar o amanhã, ficará sempre na alma de que leu, o que hoje escreveu. Tão belo o incerto amanhã. Adorei. Beijos com carinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Essas são palavras que eu vou querer guardar comigo em todos os amanhãs que a minha vida conseguir guardar...
      obrigada minha amiga
      bjs

      Eliminar
  3. Oi Ana, adorei.
    Devemos aproveitar o hoje.
    Tenha um bom fds, bjs.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Arione, obrigada pelas suas palavras...
      Penso que sim, devemos aproveitar sempre aquilo que o hoje nos está dando...
      bjs

      Eliminar
  4. Tão triste, tão nostálgico e tão lindo. Há Tantos dias em que me sinto assim, mas depois tenho de reagir, afinal tenho um filhote que ainda precisa que eu tenha muitos amanhãs...
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. que os seus amanhãs continuem até onde a sua imaginação os possa levar minha amiga...
      Beijo grande

      Eliminar
  5. Olá Ana.
    Vir aqui e te ler é um privilégio, porque aprendo muito com tuas poesias.Sei que cada um tem seu estilo, mas adoro esse jeitinho único que tens. Lindo poema, profundo, intenso e cheio de sentimento.

    Um grande beijo querida.

    ResponderEliminar
  6. Obrigada minha amiga!
    Realmente escrever é tirar um pouco de nós,escreve-se com o coração, e eu não gosto de regras, prefiro escrever livremente aquilo que a minha alma dita...
    Beijo amiga

    ResponderEliminar
  7. Hoje é o amanhã de ontem que já chegou; ontem, pensávamos que hoje, sendo amanhã, estaria tão distante.
    Mas não, o tempo não existe. O presente é a única certeza e tudo que fica no futuro, sempre estará no futuro. Logo, o amanhã não vai chegar com o cheiro que lhe damos hoje. Então, não deixaremos de ser quem somos; talvez melhores. Nunca o coração deixará de bater.

    Ana Costa, que site belíssimo! Gostei muito desse teu espaço e por aqui vou ficando com prazer. Muito obrigado pela tua visita e gentil comentário lá no meu cantinho.
    Abraços. Daniel.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Para mim também foi um grande prazer visitar-te
      Obrigada por gostares, e pela permanência...
      Abraço

      Eliminar
  8. Aprenda com o ontem, viva o hoje, tenha esperança no amanhã. O importante é não parar de questionar.
    (Albert Einstein)

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  9. É isso mesmo Fernando!
    Linda mensagem de esperança e positivismo...
    Um abraço

    ResponderEliminar
  10. Oi Ana, linda mensagem!
    Tenha uma lnida semana, bjs.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada amiga é sempre um prazer recebe-la aqui e ouvir as suas lindas palavras
      Beijo

      Eliminar
  11. Olá Ana

    Este, talvez seja o maior temor de todos, e quando não houver mais amanhã, o que haverá ou não haverá?

    Parar de escrever é algo inimaginável pára mim, que ainda hajam muitos amanhãs para escrevermos, escrevermos e escrevermos.

    Sensibilidade foi o que encontrei aqui, poemas belos, reflexões profundas. Parabéns por tão delicada inspiração.

    Obrigada pelo carinho.

    Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É realmente o caos para quem faz das palavras escritas a ponte para o mundo...
      Não interessa o que lhe chamam: poesia? prosa? contos? não é mesmo isso o que importa...
      Importa sim que o simples ato de escrever faz transbordar do nosso coração todo um amor, desamor, sofrimento ou alegria contido no coração de quem escreve...
      Obrigada pela visita e um beijo

      Eliminar
  12. De certo deixarei de viver pois sem tudo isso parecerei morrer. Quantas vezes morremos em alguns momentos de nossas vidas, morremos mesmo pra vida, através do desanimo, da falta de esperança e até a falta de fé. Mas depois recuperamos não há mal que dure pra sempre....bjim e lindo dia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Morremos sim, morremos um pouco a cada dia que passa...
      Mas, para aqueles a quem a fé acompanha existe sempre um renascer que os torna mais fortes...
      Beijo

      Eliminar
  13. Os amanhãs são incertos e os alimentamos com esperanças. Mas sabemos que o já vivido, o já escrito, não se perde, eis que eternizados na memória. Bjs.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sábias palavras minha querida, realmente tudo o que é passado fica eternizado em lembranças...
      Um beijo

      Eliminar
  14. Olá, Ana. Muito bom estar aqui!Belos versos amiga. Gosto da forma que se expressa! Vc é admirável. Obrigada pelo carinho da sua visita! Deixo um beijo carinhoso e ótimos dias.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada amiga, a nossa alegria é muito grande sempre que um amigo nos elogia...
      Ficarei muito contente sempre que me visitar
      Beijo

      Eliminar
  15. Ana meu amor, será que és tu o meu anjo da-guarda que a tua canção toca. quantas vezes eu tenho vontade de sonhar mas um sonho tão lindo daqueles que eu jamais volta-se a ver esse amanhã.
    Sebes meu amor a vida me está tão pesada que eu nunca quero que o dia de amanhã volte a nascer para mim.
    Chega por agora quero que saibas que te amo muito com o amor de Cristo, porque pode ser a ultima vez que te o diga ...quem sabe, beijinhos de luz e muita paz.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Minha amiga as suas palavras soam tão tristes...
      Espelham a tristeza que o seu coração transporta...
      O amanhã pode ser sempre uma particula de esperança que se agarra a nós...
      O lema é viver, viver cada momento...
      Beijo grande minha querida

      Eliminar
  16. nunca sabemos se o amanhã vai chegar, por isso tão importante é viver o dia de hoje como o ultimo
    beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viver cada dia como se do último se trata-se...
      Um bom lema e um grande ensinamento...
      Obrigada luna pelas suas palavras
      Um beijo

      Eliminar
  17. Olá Ana, passe no meu blog que tem lá um Prémio....
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  18. Obrigada amigo assim farei, deixando desde já o meu obrigada
    Beijo

    ResponderEliminar
  19. Ana

    Boa semana para você e o meu carinho!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada minha querida que a tua também esteja repleta de alegrias
      Beijo grande

      Eliminar
  20. Muito lindo o poema amiga!
    Um beijo grande e um ótimo fim de semana XD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Simone!
      Um lindo fim de semana para você e um beijo

      Eliminar
  21. Poesia de primeira qualidade!
    Linda, sensível...! Parabéns!
    Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada amiga! As suas palavras deixam-me muito feliz...
      Será sempre um grande prazer tê-la aqui comigo!
      Um beijo querida

      Eliminar
  22. Respostas
    1. Só precisamos aceitá-lo com amor...
      Beijo amiga

      Eliminar
  23. Nete país os amanhãs deixaram de ser inspiradores. Quando isso acontece, é sinal de que seguimos por trilhos adversos, por caminhos a evitar...

    Bj

    ResponderEliminar

Obrigada por deixar o seu comentário, pois isso só veio enriquecer este espaço