77

Velhos, senis e descartáveis

a solidão dos velhos, o seu abandono e o seu sofrimento....
Há-os por todo o lado. Em corredores de hospital, onde entram com o diagnóstico de uma doença incurável: a solidão, trazidos pela mão de um qualquer familiar, que depois se esquece de os ir “ levantar”; em lares, que de lares(...)
só têm o nome, e nos quais entram convencidos de que vão fazer uma simples consulta, mas que, com o decorrer do tempo, se apercebem que ali foram depositados para não mais saírem, dormindo pelas ruas, tendo como teto somente um manto de estrelas ou chuva, e, como agasalho um ou outro jornal, que durante o dia, transportam debaixo do braço, enquanto vagueiam pelas ruas.
São velhos que, num dia já muito distante, foram pais de filhos, que deles já não precisam, e por isso os dispensaram; avós de netos que os puseram de parte, porque os acharam ultrapassados e já nada têm para ensinar, porque não sabem mexer num computador, acompanhá-los num jogo de “vídeo game” ou numa outra qualquer inovação, que as novas tecnologias tenham posto no mercado.
São velhos, porque a Sociedade os achou inábeis e sem utilidade, porque as suas forças gastas numa vida dura e de permanentes sacrifícios, já não conseguem acompanhar o ritmo alucinante da nova geração.
No entanto, apesar de vetadas ao abandono, são criaturas maravilhosas, cheias de saber e experiência de vida. São pessoas que um dia tiveram sonhos, amor e uma vida plena. São seres onde batem corações repletos de amor e carinho, que não pôde ser dado, porque a vida deixou de ser mãe e amiga para ser madrasta. São aqueles que um dia foram gente e hoje não passam de meros números, engrossando uma estatística que prova, apenas, o aumento de uma triste esperança média de vida.
anacosta




77 comentários:

  1. Olá, Ana!

    Agradeço a sua passagem e palavras deixadas num dos meus blogues.

    Eu estou bem, obrigada. E a Ana, como vai?

    Tema, infelizmente, sempre atual.

    Pois é, para que servem os filhos/as desses "velhos/as"? Graças a Deus, que, por opção, não tenho filhos.

    Velhice é sabedoria, entendimento, ponderação, muita ternura e coração.
    Quem lá chegar, é rico e não sabe, porque, raramente, lhe dão valor.

    Tenha um bom fim de semana.
    Beijos da Luz.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. não consigo encontrar mais nada para acrescentar ao teu comentário amiga pois ele diz tudo o que poderia ser dito...
      Obrigada amiga, visitar-te será para mim sempre um prazer
      bj

      Eliminar
  2. Que cada ser, cada folha, cada pessoas, cada formiga, um caracol e uma borboleta, que cada raio de luz possa ultrapassar os hospitais, as camas dos doentes, as celas dos presidiários, as celas dos que andam pelas ruas...abraços

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Meu querido amigo que as tuas palavras sejam preces e furem os corações empedernidos daqueles para quem a palavra afeto, carinho, amor e família nada mais é que um aglomerado de letras contido nas páginas de um dicionário...
      bj

      Eliminar
  3. Olá, Ana!

    Os tempos não correm de feição para o os mais velhos, e ainda menos para aqueles que o virão a ser...Nesta sociedade muita coisa mudou, mas nem tudo para melhor: como ter mais tempo de vida e menos saúde, e muitas vezes também pouco dinheiro para dela tratar. Mais a família que há já muito que se pulverizou, cada um para seu lado, na procura da sobrevivência.E são sempre os mais idosos que ficam a perder...é quase que uma inevitabilidade. E da maneira que as coisas vão, sei lá eu o que me vai acontecer...!

    Bom fim de semana; beijinhos
    Vitor

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade amigo podemos em parte deitar as culpas na nova sociedade que se formou de uns tempos para cá, mas sabe tão bem recordar os nossos velhinhos brincando connosco, tomando conta de nós! enquanto os nossos pais iam para o campo trabalhar...
      Eram casas, sem dinheiro, muitas vezes sem trabalho, mas os nossos velhos morriam a maior parte das vezes na casa onde tinham nascido...
      bj amigo

      Eliminar
  4. fico triste com esse descaso, como os nossos queridos velhinhos. Tenho um respeito muito grande por eles, são pessoas com grande sabedoria de vida.

    Conheci muitos destes que contas, só que nos lugares em que andei, muitos deles ficaram tão vivos no meu coração, com a grandeza de um herói.

    A família que não zela seus idosos, são prisioneiros do egoísmo, do descaso, da burrice.

    Beijinho Ana. Amei Te ler

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizmente tudo o que escrevi minha querida também foi observado...
      Quem dera que fosse tudo baseado só na imaginação de quem como eu gosta de escrever...
      Parte-se-nos o coração vê-los "para ali" jogados....
      bjs grandes minha querida

      Eliminar
  5. OI ANA!
    INFELIZMENTE, PURA VERDADE.
    MAS, SE PAIS QUE SE DOARAM COMPLETAMENTE AOS FILHOS SÃO ASSIM TRATADOS, IMAGINA ESTA NOVA GERAÇÃO DE PAIS QUE NÃO PARAM COM SUA CELERIDADE, NEM EM FUNÇÃO DE UM FILHO, RECEBERÃO O QUÊ?
    VEREMOS NÉ AMIGA O QUE VEM POR AI?
    MUITO BONITO TEU TEXTO.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. essa é uma refleção bastante interessante que poderia ser motivo para um excelente trabalho minha querida amiga!!!!
      bjs

      Eliminar

  6. Olá Ana,

    O descaso com os idosos é o maior sinal de que o mundo beira ao abandono e à falta de solidariedade. Eles representam a voz da experiência e são fontes de sabedoria e mereciam ser amados e respeitados pelas famílias.
    No momento que eles mais necessitam de amparo são friamente abandonados, rejeitados e considerados um peso por aqueles que deles receberam dedicação, sacrifício e amor.
    Mais do que um dever (e legal), a família deveria zelar pelo seu idoso, dedicando-lhe atenção, carinho e amor.

    Beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não podias estar mais certa minha querida amiga!!!
      Se pensar-mos que há sociedades em países que os "inteligentes" consideram de terceiro mundo onde o respeito, a obediência e a admiração pelos mais velhos é regra fundamental da sua vivência, só nos resta a nós "países evoluídos" esconder o rosto e corar de vergonha...
      beijo amiga

      Eliminar
  7. Esse é mais um lado doído da vida real. O abandono de quem não pode viver só, de quem é descartado por ter envelhecido. E a única coisa que desejam é atenção. Não mais vivem, aguardam o fim, abraçados às suas lembranças. Bjs.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não vivem mais... vegetam...
      é vê-los nos lares sentados numa cadeira virada para uma parede branca...
      bjs amiga

      Eliminar
  8. Passando para desejar um lindo dia de domingo ...
    texto magnifico nas palavras ...
    bjsssssssssssssssss

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada minha amiga!!!
      Volta sempre pois é uma grande alegria ter-te aqui no meu cantinho!!!
      bj

      Eliminar
  9. Querida amiga,
    Toda a sementeira terá que ser feita com amor. E quem não semear companhia,colhe solidão.
    Na velhice em que tudo dói, desde o corpo à alma, acrescentar o abandono, é um cálice amargo demais!
    Esta sensibilidade é por demais tocante!
    Bom domingo
    Terno abraço Ana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada minha amiga
      Realmente este é um problema muito grande da nossa sociedade e visto (e sentido) por eles: "os velhos" torna-se mais gravoso...
      beijo amiga

      Eliminar
  10. Olá, Ana. Quantas verdades nesse texto! Vc o diz muito bém, são vidas. Muitos esquecem disso! Obrigada por partilhar! Venho desejar uma linda tarde de domingo e ótimos dias. Obrigada pela presença sempre no blog star! Bjos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade minha querida o mundo é cruel, as pessoas cada vez mais estão se tornando frias...
      Quebra-se aquilo que mais importância havia: a família...
      beijo amiga

      Eliminar
  11. º° ❤♫°
    Olá, amiga!
    Esse é o cruel retrato da realidade.
    Bom domingo!
    Boa semana!

    °º♡♡♫
    °º♡ Beijinhos do Brasil.
    º° ♡ ❤♫°

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá minha querida obrigada pelo teu comentário!
      Espero que o teu domingo tenha sido bom e que o resto da semana seja maravilhoso
      Beijoooos graaandes

      Eliminar
  12. Oi Querida!
    Nunca estamos sós enquanto pudemos andar, ajudar. Tenta ficar numa cadeira de rodas pra ver quantos amigos você têm.
    Mas não vamos pensar nisso, enquanto puder vamos viver a vida com saúde e felicidade e deixar a solidão dormir um pouco.
    Obrigada
    Lua Singular

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sinto a tristeza sair de cada palavra que escreveste...
      Temos que pensar que cada pessoa é somente uma pessoa e portanto age como tal...
      Um beijo grande

      Eliminar
  13. Uma realidade tao, mas tao incrivelmente trsite... E ainda assim,, também os há na populaçao activa entyre risos e defesas...

    um beijinho

    ResponderEliminar
  14. Também é uma grande verdade e penso que cada vez mais esse será um facto....
    Obrigada por comentar
    Abraço

    ResponderEliminar
  15. São os dois extremos, na vida etária, que mais são vítimas de abandono: a infância e a velhice. Sendo, a velhice, atualmente, a mais preocupante. A família abandona e mais ainda os governantes, que não proporciona vida digna, pela aposentadoria tão defasada, para os que a possuem.

    Seu texto retrata muito claramente a triste situação dos idosos: real e triste! Que podemos fazer?

    Um beijo, Ana,
    da Lúcia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada minha amiga por gostares
      Infelizmente este é daqueles problemas tão sérios pelo lado frágil que envolvem mas que ninguém dá atenção no sentido de resolver...
      Resta-nos pois ir deixando o nosso desagrado...
      beijo amiga

      Eliminar
  16. Oi querida, vim lhe desejar uma semana maravilhosa, beijos e fica com Deus!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi amiga muito obrigada!!!
      Beijo grande!!!

      Eliminar
  17. Um dos piores crimes que se pode fazer é abandonar os familiares idosos.
    Mas, infelizmente, isso está a ficar cada vez mais comum...
    Um beijo, querida amiga.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tornou-se banal o impensável, vulgar o que devia ser impossível.... que mais virá?...
      Beijo amigo

      Eliminar
  18. Olá Ana.

    As pessoas esquecem que o velho já foi novo. Mas o tempo não tarda em lembrar que logo logo, o novo será velho.

    Um abração.

    ResponderEliminar
  19. Pura verdade Ana querida.
    Conheço pessoas que na verdade depositaram seus pais em asilos e nunca mais foram vê-los a não ser no dia que morreram, muito triste isso.
    Um grande beijo em seu coração.

    ResponderEliminar
  20. Essa é realmente a mais "verdadeira verdade" que conheço!!!
    Todos nós um dia assim seremos e aí como vai ser??
    beijo amigo
    bom fim de semana

    ResponderEliminar
  21. Ana na verdade não é solidão sozinha
    é ABANDONO,
    que é muito mais doído de imperdoável.
    Escrevi uma peça teatral infanto juvenil
    que alerta sobre isso...
    Mas...
    além de de vir te ler
    Vim deixar meu bom dia
    e
    uma frase que adoro:
    "Os olhos são cegos. É preciso ver com o coração..." Antoine de Saint-Exupèry
    e
    Bjins entre sonhos e delírios
    Catiaho Alcantara/Reflexo d'Alma


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É preciso debater este assunto muitas e muitas vezes para que se comece a perceber que as pessoas apesar dos anos que têm não são lixo, mas sim fontes de muito saber...
      Beijo e obrigada pelo comentário

      Eliminar
  22. Verdades muito significativas a respeito dos idosos,onde muitos sofrem essa solidão,sem a companhia dos familiares.

    Obrigada Ana pelas visitas e comentários.

    Carmen Lúcia-mamymilu.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É um prazer muito grande visitar o teu blog!
      Ali eu sempre encontro a leitura que gosto!!!
      Beijo amiga

      Eliminar
  23. É amiga, a realidade deles é triste mesmo, trabalhei 3 anos atendendo em um asilo como terapeuta, e conheci a história de cada um, pra eles é uma alegria quando recebem visitas, contavam as horas pra eu ir e quando eu não aparecia, na semana seguinte queriam saber o que tinha acontecido rs
    Ainda assim há que se perceber como cada um viveu e o que fez na vida, pois muitos apesar da aparência frágil e bondosa, quando conhecemos sua história conseguimos entender porque estão lá, e cada coisa que a gente sabe que mal dá pra acreditar...
    Cada caso é um caso, e assim como existem filhos ingratos, também existem pais déspotas que não fizeram por merecer o cuidado dos filhos.
    Sinto saudades de todos eles naquele asilo, porque aprendi a amá-los, mas mudei de cidade e nunca mais pude ir vê-los.
    Muito bom seu texto Ana, beijos pra ti e um abençoado fim de semana!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tudo o que dizes é verdade minha amiga, mas quem somos nós para julgar não é verdade? virá o dia sim em que cada um de nós responderá por cada atitude, gesto, palavra ou acto...
      Beijo minha querida por relatares aqui a tua experiência!!
      beijo amiga

      Eliminar
  24. Desejo-lhe uma linda noite. Bjs.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Noites e dias lindos para ti também!!!!
      beijo

      Eliminar
  25. as pessoas esquecem que um dia serão velhos também.. minha mãe tem idade, mas é a pessoa mais importante em minha vida e será assim sempre.. amei teu texto amiga.. beijos mil e ótimo domingo..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada querida Mary
      Sentimos sempre um grande conforto quando ouvimos pessoas relatar que os seu "VELHINHOS" ainda vivem com eles...
      Para mim que não tive a felicidade de ver os meus pais transformarem-se em velhos recebo essas noticias com redobrada alegria!!!!
      beijo amiga

      Eliminar
  26. Oi Ana, belíssimo post! Amo seu blog!
    Tenha um ótimo fds, beijos e um ótimo começo de semana!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada minha amiga fico tão contente por ouvir esses elogios!!!
      beijo e bom fim de semana

      Eliminar
  27. FELIZ DIA DO BEIJO !!!!!!!!!!!!!!
    ATITUDES...
    PARABÉNS PELO TALENTO EXPRESSO DE FORMA MAGISTRAL EM CADA PENSAMENTO...
    BEIJOSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que pena não sabia!!!
      Se não tinha saído por aí beijando todo o mundo!ahahaha
      Beijo na mesma minha amiga!!!!

      Eliminar
  28. Olá Ana, e que tudo esteja bem contigo!

    Infelizmente as gerações que estão chegando, tem muito mais informação, mas, por alguma triste conveniência deles mesmos, pois sempre anseiam por novidades, eles não estão informados. É isso, eles não se dão conta de que o tempo passa por todos e tudo, não levam em conta de que estes mais velhos, como eles costumam chamar um dia foram tão jovem quanto eles. O triste é que muitos se arrependem de não haver passando mais tempo com o mais velho tarde demais, é como sabemos, o tempo não espera ninguém!
    Muitos esquecem que humanos como ser vivo não deseja findar, mas como não há outra maneira, que seja um envelhecimento com a devida dignidade, e, não como acontece a muitos, que findam na solidão e repleto de saudade!
    Grato por compartilhar belos escritos, pensamentos deveras humanos, e belas imagens, pelas tuas gentis visitas e comentários por lá também!
    E assim desejo que teu viver seja sempre de intensa felicidade, um grande abraço e até mais!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá amigo a tua análise é perfeita e só vem reforçar aquilo que eu disse...
      Alegra-me que compartilhes da minha opinião sobre tão melindroso tema que é a velhice etapa pela qual ( em principio) todos nós um dia havemos de passar...
      Obrigada amigo mais uma vez pelas tuas palavras
      beijo e um bom fim de semana

      Eliminar
  29. Bom dia, Ana. Ontem o meu pensamento estava em você sem conseguir chegar até aqui, mas a nossa sintonia boa fez você aparecer primeiro. Deve ter sido o meu chamado mudo, rs.
    Obrigada pelo comentário tão gentil que muito me honrou. Vindo de você, tem sabor especial.
    Uma tristeza esse fato, muitas pessoas realmente não tem o amor e a consideração com os seus idosos, que precisam de amor, atenção e carinho.
    A Sociedade cada vez está mais doente e isso é muito triste, pois se hoje estamos aqui, temos de dar graças a eles, os idosos, que nos educaram, nos deram vida de valores honrados, não importa se simples, mas presente.
    Ainda que muitos deles não sejam bons, penso que abandonar não é bom. Ninguém gostaria de viver sem a sua família.
    Devem existir situações que não se tem como cuidar para se trabalhar, não sei, mas então, que juntem os familiares e paguem uma enfermeira até que se cheguem do tabalho. Cada qual fazendo um pouco, não pesará de modo algum para ninguém e a vida transcorrerá normalmente.
    Aqui em casa, meu avô tem 91 anos e o meu padrasto 74 e nossa família se revesa para levarem ao médico, fazerem exames, enfim. Cada qual tem uma função, mas a mais importante, é a atenção, que muitas vezes damos poucas pensando nas coisas que temos de fazer ou na vida que não anda bem.
    Talvez se dialogássemos mais, tudo seria diferente.
    Excelente texto pra refletir e mudar antes que venha um louco arrependimento sem nada poder fazer!
    Beijos na alma e fique na paz!
    Tenha uma semana iluminada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que maravilha minha amiga!!! isso só mostra que a distância não é motivo para que uma amizade se esfume!!!
      O teu testemunho deixou-me enternecida pois hoje em dia quantas famílias numa situação igual à tua iriam correndo pô-los aos dois num qualquer lar alegando falta de tempo etc, etc.....
      beijo minha querida amiga

      Eliminar
  30. Obrigada por suas visitas, onde as suas palavras confortam momentos que não são tão bons, mas que tudo passa nessa vida e também as decepções que é inevitável deixar de poetar através delas pois é assim um desabafo pra não envenenar a alma. Obrigado querida...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Simone o meu prazer é sempre enorme quando te visito, tenho pena que as tarefas não me deixem fazê-lo mais amiúde!!!
      beijo minha querida

      Eliminar
  31. A vida muitas vezes é curta, mas mesmo assim seu caminho é longo.
    Nela aprendemos a sorrir, chorar, amar, sofrer e a renascer,
    para amanhecer e termos um lindo dia.
    Seja Feliz Sempre!
    Acredite no Tempo, na Amizade,
    na Sabedoria e, principalmente no Amor.
    E acima de tudo não perca a fé,
    e certeza de que Deus existe e é seu amigo sempre.
    Uma semana de muita paz .
    Beijos no coração meu eterno carinho,Evanir.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Minha querida amiga perante tão lindas e doces palavras só me apraz dizer: muito obrigada!!!
      beijo lindo

      Eliminar
  32. Um texto muito duro mas real. A doença dos meus pais, e o seu acompanhamento diário permitiu-me observar muitas coisas. Tivesse eu a sorte de que me cuidassem como cuidei os meus e não recearia o futuro. Infelizmente não acredito que assim seja.
    Um abraço e uma boa semana

    ResponderEliminar
  33. Querida amiga

    As palavras
    inundadas de verdades,
    mesmo quando tristes
    se tornam poderosas.
    Acordam pensamentos,
    e nos abrem os olhos
    para o que fingimos não ver.

    Acorda a alegria em ti,
    como quem acorda uma criança muito amada...

    ResponderEliminar
  34. Sempre venho ver se postou algo novo. Suas visitas deixam um calor adorável no coração. Obrigada! Bjs.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada minha amiga isso deixa-me muito contente!!!
      beijo

      Eliminar
  35. Bom dia!
    Acredito que a Jornada é que vale, o percursos podemos mudar
    e esquecer é algo que pode ou não acontecer.
    Sermos esquecidos? Ah isso é mais facil.
    Bjins
    Catiaho Alcantara/ Reflexo d'Alma

    ResponderEliminar
  36. Tens toda a razão!!!
    Não tinha ainda pensado nisso!!
    beijo

    ResponderEliminar
  37. Não pensas em mim? Começo a ficar velho à espera de um novo post...
    Desculpa, mas apeteceu-me ser engraçado... só não sei se o consegui...
    Beijo, minha querida amiga.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A culpa é da lua....
      Serio!!!
      Porquê? pois....
      beijo amigo, gostei do teu humor!!!!

      Eliminar
  38. Doi demais ver, saber,o que é feito com os nossos idosos, em algumas tribos indigenas os idosos são o poço da sabedoria e venerados, a nossa cultura relega os idosos para o lixo, quem pensamos ser que tudo julgamos saber e nada sabemos até a sensibilidade o humanismo perdemos pelo materialismo,parabens pelo teu post que muitos seres o possam ler e fazer um exame de consciencia
    eijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Minha amiga, durante um tempo tive o privilégio de viver num país africano e também pude apreciar o amor, respeito e consideração que todos têm pelo "mais velho"...
      Obrigada amiga pelas tuas palavras!
      beijo

      Eliminar
  39. Infelizmente há um abandono muito grande com os idosos, que merecem tanto amor e carinho. Parabéns pelo texto.

    Beijos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade amiga principalmente porque essa é uma etapa que pela ordem natural das coisas um dia todos nós iremos passar
      beijo

      Eliminar
  40. Bom dia, amiga. Aqui estou agradecida pelo seu comentário no meu blog. Espero mesmo que seja um fim de semana e uma vida inteira com muito amor, rs!
    Adoro você e sua presença me deixa feliz demais!
    Quando quiser compartilhar algo comigo no face, fique a vontade!
    Beijo imenso na alma e fique com Deus na paz de um excelente fim de semana!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada minha amiga pelo teu carinho!!!
      Eu vou visitar-te porque a cada dia que por aí passo fico sempre surpreendida com a tua escrita tão boa!!!
      beijo

      Eliminar
  41. Infelizmente é assim, querida Ana, mas tenho esperança que ainda vai mudar, bjs

    ResponderEliminar
  42. O ser humano vive pela fé e é isso que nos vai ajudando a viver...
    beijo amiga

    ResponderEliminar
  43. É uma triste realidade esta e que nos mostra que estamos a desevoluir enquanto sociedade... E infelizmente começa a ser cada vez mais comum também...

    Vim também agradecer os comentários no meu cantinho... Seja lá sempre bem vinda!

    Beijo

    Isa Lisboa
    => Instantâneos a preto e branco
    => Os dias em que olho o Mundo
    => Pense fora da caixa

    ResponderEliminar
  44. Dura realidade descrita em seu texto.
    obrigada pela visita
    abraço

    ResponderEliminar

Obrigada por deixar o seu comentário, pois isso só veio enriquecer este espaço