93

Um amor virtual (1ª parte)

          O suave baloiçar da cadeira acompanhava a evolução dos seus pensamentos.
Vitória estava tão abstraída nos tempos passados que nem se dava conta do ranger da sua velha(...)
cadeira, aquela cadeira que por tantos e tantos anos foi testemunha de anseios, medos, sonhos e paixões…

           Ali, debaixo daquele alpendre, deliciando-se com o espectáculo que era o pôr-do-sol, e do qual nunca e cansava, frente ao seu velho computador Vitória viveu os seus medos as suas angustias as suas esperanças e principalmente o seu grande e único amor.
           Aquele amor que agora passados todos estes anos ainda e só a sua lembrança fazia o seu coração bater num ritmo mais acelerado.
           Quantos anos tinham passado? A sua memória por vezes já não acompanhava a realidade dos factos, mas sabia que a culpa da perda e de todo o subsequente sofrimento tinha um nome: aquela maldita guerra. Como era mesmo o nome? Há! Num dos seus fugazes rasgos de lucidez veio-lhe à memória o nome, como não lembrar um nome que tanta dor e sofrimento e perda tinham trazido para a sua vida?
          Pois claro que sabia, claro que se lembrava, foi durante a guerra do Golfo que tudo tinha acontecido.
           Salvador, esse era o seu nome.
           Corria o verão de 1990, mais precisamente o dia 2 de Agosto, os telejornais eram invadidos todas as noites por notícias de guerras, fome, protestos… mas naquela noite havia algo mais, Vitória viu-o na expressão do senhor que apresentava as notícias, o seu rosto tinha estampada uma apreensão que não lhe era usual. Ficou ali, presa à notícia de uma guerra que estava sendo anunciada…
           Aos poucos foi-se apercebendo que tropas do Iraque tinham invadido o Kuwait.
           No início não lhe deu mais do que a atenção que a  notícia merecia, e falou para si que era “só” mais dois países que não se entendiam pela via diplomática, mas aos poucos, com o passar dos dias e vendo que um grupo de países ocidentais liderados pelos Estados Unidos e Grã-Bretanha, assim como países do Médio Oriente como a Arábia Saudita e o Egipto
se tinham unido nesse conflito contra o Iraque, a que chamaram A Guerra do Golfo foi ficando apreensiva.
           Percebeu que este era um acontecimento mais grave do que parecia. E foi. A tal ponto que veio mexer na sua vida aqui neste cantinho da Europa e aparentemente tão longe daquele conflito.

(Continua...)

anacosta

93 comentários:

  1. Ao ler tão belo texto lembrei-me de um livro que relata muito bem essa gerra: O punho de Deus de Frederick Forsyth, grande livro! abraços

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Ives, não conhecia o livro, mas a curiosidade fez-me ir ver na net sobre o que tratava...Parece-me interessante de facto.
      abraço
      anacosta

      Eliminar
  2. Um conto lindo,que esperamos pela continuação.

    Ficaremos no aguardo desse grande amor,com um final feliz.

    bjs Ana.
    Carmen Lúcia-mamymilu.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Carmen boa tarde!
      Vamos ver como será o desenrolar deste amor...
      Bjs amiga

      Eliminar
  3. Oi querida
    Que história triste, espero que no final seja menos dorido.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois... temos que tentar sondar a autora para ver sela nos adianta um pouco sobre o final... será?
      Beijos amiga e bom fim de semana

      Eliminar
  4. Esta estória promete. Aguardando continuação.

    www.cchamun.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Claudio e eu também prometo que irei dar largas à minha imaginação para não vos desiludir!!!
      abraço amigo

      Eliminar
    2. O H. E. e O. P. está em festa, aparece lá para comer um bolinho.

      Eliminar
  5. Um conto muito bonito, que começa com momentos tristes.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  6. Um belíssimo conto,Ana.

    Obrigada pela visita,amiga.

    Seu blog está na minha lista de favoritos.

    Beijos e lindo dia dos namorados


    Donetzka

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agradeço bastante as palavras de carinho e a atenção que tens dispensado ao meu blog!!
      Obrigada amiga
      bjs

      Eliminar
  7. Amiga Ana, ficarei aguardando a continuação desta estória bem escrita.
    Um abraço daqui do sul do Brasil.
    Tenhas um bom dia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Meu amigo prometo que não demoro em publicar um pouco mais!!!!
      Abraço recebido e daqui do Sul de Portugal vai ambém um grande abraço para ti!!!

      Eliminar
  8. Li com interesse este inicio.Aguardo a continuação...Adorei! Bjs Eloah

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Prometo que irei manter o interesse...
      Obrigada por gostares!!!
      Beijos

      Eliminar
  9. Querida Ana, fico sempre pensando, quando leio textos assim, estórias (ou histórias)que mexem com nossos sentimentos...é o início, mas como o título é "Um amor virtual" fiquei lembrando de outras histórias, lições de muito amor, esperança e distância... Amor virtual, tão real! Como sempre muito lindo, vou mas volto e aguardo o final do conto. Um feliz finalzinho de tarde com muita alegria! Abraços...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa tarde amiga!
      É verdade esta palavra "virtual" quantas histórias de amor já terá tornado reais??...
      Às vezes fico pensado nisso, neste mundo atual aonde cada vez mais as distancias se aproximam...
      beijo amiga

      Eliminar
  10. O AMOR É O ARQUITETO DO UNIVERSO,
    POR ISSO QUE VIM TE PEDI PARA QUE DIGA A ALGUÉM ESPECIAL O QUE LHE VAI NO CORAÇÃO !
    FELIZ DIA DOS NAMORADOS !!!
    BJS PELO CARINHO PLANTADO NO MEU CANTINHO ...
    AMADA AMIGA !!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá minha amiga!!!
      Ui isso é realmente complicado!!... não encontro a chave para puder ir lá dentro....!!!
      beijo minha querida

      Eliminar
  11. Que bela história, mas ao mesmo tempo triste...Abraços.Sandra

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois... a vida não tem só rosas... e o amor nem sempre são só alegrias, mas vamos aguardar para ver o que acontece...
      bj amiga

      Eliminar
  12. Olá, Ana.

    Tchan, tchan, tchan, tchan! Na expectativa da continuação do seu belo conto. Também com a temática do amor virtual, e baseado na eterna obra de Shakespeare, escrevi lá no Blog: (Nova Verona. A segunda vida de Romeu e Julieta). Te convido a dar uma lida.

    Um abração.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fui correndo e já comecei a ler!!
      Quando terminar eu comento!!!!
      bjs amigo

      Eliminar
  13. Olá, Ana!


    Neste mundo que não encolheu, ainda assim todos estamos mais próximos.Realidade virtual, porém, a combinar muito bem como o amor que nesta história aqui vai ser contada - e que eu desde já prometo acompanhar.

    Bom fim de semana e um abraço.
    Vitor

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Vitor e eu prometo não demorar com a publicação de mais um capítulo!!!
      bj

      Eliminar
  14. Belo texto...Espectacular....
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  15. Oi querida
    Obriga pelo comentário
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  16. Olá Ana,
    Lindo, profundo e comovente seu conto! Amei ler!
    Estarei acompanhando a continuação.
    Beijo e muita luz!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Ilca!
      Vou esforçar-me para que a continuação supere as expetativas de todos vocês meus amigos!!!
      bj

      Eliminar
  17. Boa tarde, Ana. Guerras, desnecessárias, mas o homem não evoluiu o suficiente para que elas deixassem de existir.
    Que humanidade é essa?
    É claro que o medo tomará conta da personagem, quem não sentiria?
    Beijos na alma e fique com Deus!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esse é, infelizmente um mal que não vai acabar nunca, é a luta pelo poder, a vontade dos que mais força têm... a ganância de muitos...
      Lutam por uma aparente causa mas o que fazem é tirar proveito das situações...
      beijo amiga

      Eliminar
  18. Excelente como sempre...grata por poder contar com estes textos que nos acrescentam e revitalizam a alma!

    Beijinho amigo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu é que te agradeço a tua amizade minha amiga!!!
      beijos, muitos!!!!

      Eliminar
  19. Querida amiga

    Há textos
    que nos fazem
    desejar
    de forma rápida
    a sua continuação.

    Que haja sempre em teu coração
    um motivo para sonhar a cada dia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tem uma música que diz que "o sonho comanda a vida"...
      Que seria de nós se não fizésse-mos da vida um sonho constante....
      bj amigo

      Eliminar
  20. Com um beijinho vim matar saudades..

    África



    África...
    Linda...
    Imensa...
    E mágica...
    África dos Leões...
    Dos elefantes...
    Das girafas...
    E do salalé...
    Do muito...
    E do pouco,,,
    Da magia,,,
    Da vida...
    Do amor...
    E da saudade...
    África...
    É tudo isto...
    África...
    É a imensidão...
    Do ir... Do amar...
    E do querer... Voltar!...

    LILI LARANJO

    ResponderEliminar
  21. Oi Ana!
    Fiquei curiosa pra continuar lendo.
    O que gosto nessas narrativas é ficar "visualizando" o que está sendo contado.
    Que seu final de semana seja maravilhoso.
    Abração.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A riqueza da leitura é essa mesmo, nós vamos tendo o privilégio de ir vivendo cada palavra, cada cenário...
      bjs

      Eliminar
  22. Ana, otima narrativa, facil de visualizar o que se le.
    Fiquei imaginando como seria o final... espero que seja otimo.

    Beijos e otimo final de semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Sissym, vamos ver o que o jovem casal vai fazer...
      Espero também que eles consigam realizar o seu sonho de amor...
      bj

      Eliminar
  23. adoro o q vc poosta no seu blog :)

    http://lucianarodriguesrg.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  24. Olá Ana

    Sinto, vivo cada uma das tuas palavras.
    Apenas estava do outro lado, numa outra Guerra em África, e, esse afastamento de dois anos, cimentou e fortaleceu esse belo sentimento que chamamos Amor.
    Só desejo que a continuação vá neste mesmo sentido.
    Para mim, Amiga, tudo isto é real e muito presente. Diferentes são os lugares e os tempos.


    Beijos


    SOL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Essa foi realmente uma guerra que horrorizou a todos nós, pois penso que não houve casa de onde não tivesse saído um filho rumando a Africa...
      beijo amigo

      Eliminar
  25. E vamos aguardar o desenrolar dos fatos, parece ser muito bom o livro. Saudades Ana, beijos e abençoado domingo!

    ResponderEliminar
  26. A guerra faz sempre outras vítimas além das do campo de batalha.

    Os amores virtuais não são muito a minha praia ....mas amor é sempre um sentir lindo.

    Beijo

    ResponderEliminar
  27. Adorei o texto, prendeu-me a atenção e, deixou-me, impaciente para a continuação.
    Muito bem escrito!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Calma Manuel está quase... é só mais uns dias...!!!
      bj

      Eliminar
  28. Ao ler, seguindo linha a linha este belo texto, as estrelinhas iam caindo uma a uma como se cada letra fosse o prenúncio duma bela história de amor.....
    Abraço,
    J

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E eu adoro " estórias de amor"...
      Vou fazer os possíveis para que esta seja mais uma linda história de amor!!
      bj

      Eliminar
  29. Texto cativante escrito com muita criatividade, vou aguardar pela outra parte.

    ag

    ResponderEliminar
  30. Olá, Ana
    O início promete...
    Histórias de Amor, passadas em tempo de guerra têm sempre grandes atractivos.
    Não me posso distrair, pois quero acompanhar.

    Bom fim-de-semana.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá minha amiga
      É verdade clima propício para grandes romances!!!
      beijo

      Eliminar
  31. Passando para te desejar uma ótima sexta!!
    Abraços.Sandra

    ResponderEliminar
  32. Aquele senhor é um religioso que foi colocado pra comandar os 'direitos humanos' e quer que a população engula a seco toda a teoria dele. Um lunático.

    beijo Ana, volte quando quiser no blog!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Vanda!!!
      Pois só pode ser um religioso porque se fosse crente era o primeiro a não julgar!!!
      beijo amiga

      Eliminar
  33. Vc é uma grande escritora querida!
    Passando para visitar e dizer que estou aguardando-a em meu blog para buscar um mino que ofereço aos meus seguidores.
    Bom fim de semana!
    Beijinhos calorosos...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ola amiga já tenho o mimo na minha pagina de mimos no blog!!!!
      beijo

      Eliminar
  34. Uma luta sem guerra sem sangue mostrar ,
    que apesar da pessíma educação
    e exemplo dada pelos governantes:Mostrar que temos a educação
    recebida dos nossos pais.
    Nossos jovens são filhos da nossa incansável
    esperança por um Brasil sem fome
    de todas as necessidades.
    Tenho estado um pouco ausente nesses últimos tempos
    fico triste quando a vida por trás da telinha
    me obriga a ficar longe de você.
    Carinhosamente te desejo um abençoado
    e feliz final de semana beijos no coração.
    Evanir.
    Tem Uma Mensagem Acorda Brasil.
    Juntos Vamos Acordar O Brasil..
    Somos Todos Irmãos....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá minha amiga querida!
      Já passei por lá deixando umas palavrinhas de carinho!!!
      beijo

      Eliminar
  35. Que pérola de texto,Ana!

    Recebi sua atualização porque seu blog está na minha lista de favoritos,flor.

    Espero seu retorno a meu blog,amiga.

    Beijos e lindo fim de semana


    Donetzka

    ResponderEliminar
  36. .

    .

    . e ficamos . expectantes . :) .

    .

    . em cada relevo . um enlevo .

    .

    .

    . bom fim.de.semana .

    .

    . beijo meu .

    .

    .

    ResponderEliminar
  37. Olá Ana, e que tudo esteja bem!
    Sabedora que sinto enorme prazer em ler teus escritos, eu venho cá dizer olá, agradecer a tua, como sempre gentil visita e comentário e, ficar ansioso enquanto aguardo a continuação desta tua narração, e que certamente será deveras prazerosa de ler, assim como anteriores escritos teus que me faz viajar nos sentimentos expressados nos teus escritos. Agradeço por compartilhar tão belos escritos e imagens neste teu belíssimo espaço, e, parabéns!
    É isso, estou no aguardo do desenrolar desta que me parece uma intensa e interessante narrativa!
    E assim me vou desejando que seja sempre de intensa e deveras felicidade o teu viver, grande abraço e, até mais!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada meu amigo pelas tuas palavras sempre cheias de carinho!!!
      beijo

      Eliminar
  38. Não é simples dar limites a uma guerra.
    Cadinho RoCo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Principalmente quando ela interessa a alguns...
      abraço amigo

      Eliminar
  39. Ai..ai..ai... Sonhos e paixões...
    Gostei disso!
    beijos
    Ritinha

    ResponderEliminar
  40. Bom dia, Ana. Como eu já comentei nessa postagem espero a próxima.
    Quanto ao seu comentário no meu poema "UM ANJO CHAMADO TEREZA" essa pessoa existe e aconteceu do jeito que lá está.
    Impressionante, que eu a conheci num dia e fizemos várias coisas e ela me ajudou muito. Parecia que nos conhecíamos faz tempo.
    Ela é uma pessoa temente a Deus, passa luz.
    Desejo que tenhas uma semana de muita paz!
    Beijos na alma e tudo de bom!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que bom minha amiga, neste mundo cada vez mais desprendido é importante termos um verdadeiro anjo ao nosso lado!!!
      bjs amiga

      Eliminar
  41. Oi querida,
    Não é fácil a guerra ou guerrilhas, eu nunca senti esse temor...espero ansiosa a continuação.
    Obrigada Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Deve na verdade ser horrível amiga!!
      Que Deus nos proteja sempre...
      bjs

      Eliminar
  42. Tudo me parece real, verdadeiro e Lúcido!!! As perspectivas é que podem mudar...

    Gostei muito, beijinho Ana

    ResponderEliminar
  43. Estou expectante, curioso e deliciado.
    Belo texto, muito bem estruturado.
    Fico ansioso pela continuação.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Manuel!!!
      E a continuação começou....!!!!
      espero que goste
      abraço

      Eliminar

  44. Bem aventurado aquele que já consegue receber com a
    mesma naturalidade o ganho e a perda, o acerto e o erro,
    o triunfo e a queda.
    De todas as minhas conquistas a maior delas são os meus amigos,
    e amigas.
    De sorriso puro no rosto de uma criança.
    Acredite na fé, mais força, na esperança e na razão.
    Descubra-se , ame-se, perdoe-se!
    Viva intensamente
    a cada Dia da sua vida.
    Que seu Dia seja de infinita paz ,
    viaje comigo tenho certeza ,
    que se sentira muito feliz.
    Beijos paz e muito amor pra você.
    Evanir.

    ResponderEliminar
  45. O amor tem sempre encanto. Aguardo continuação e um feliz desfecho.

    Beijos da Luz.

    ResponderEliminar
  46. OI ANA!
    LI ESTA PRIMEIRA PARTE, GOSTEI MUITO E FIQUEI CURIOSA, ESTOU INDO LER A CONTINUAÇÃO.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  47. Muito interessante, esse relato, agora fiquei curiosa para ler a continuação, e já vi que foi postada.

    Querida também faço parte da "Agenda dos Blogs" por isso estou aqui, conhecendo seu espaço. E já fiquei como sua seguidora.
    Te convido a uma visita, serás bem vinda!

    Abraços e carinhos
    Mynda
    Masso Vita

    ResponderEliminar

Obrigada por deixar o seu comentário, pois isso só veio enriquecer este espaço